Publicações e comunicações
Publications /Papers in conferences

Publicações
Publications

Teses

— O vilancico na Capela Real portuguesa (1640-1716): o testemunho das fontes textuais, 2 vols., dissertação de doutoramento em Música e Musicologia, Évora, Universidade de Évora, 2006;
— A Missa pro defunctis na Escola de Manuel Mendes: ensaio de análise comparada, 3 vols., dissertação de mestrado em Ciências Musicais, Lisboa, Universidade Nova de Lisboa, 1996.

Artigos e partes de obras coletivas (seleção)

— «Música, Sociedade e Poder pelo prisma do vilancico religioso: o repertório da Capela Real de Lisboa no reinado de D. João IV (1640-1656)» in
Estudos de Homenagem ao Prof. Doutor António Martins da Cruz, Lisboa, Universidade Lusíada de Lisboa (aceite para publicação);
— «Ensaya a dança, y prosigue: ethnicity and "exoticism" in the villancicos de negros of the Portuguese Royal Chapel, during the seventeenth-century» in Maria Alice Volpe, ed.,
Revista Brasileira de Música, Rio de Janeiro, Universidade Federal do Rio de Janeiro, 2017 (publicado em 2019);
— «O vilancico no reinado de D. João V: entre a persistência do costume e a mudança de paradigmas litúrgico-musicais» in João Pedro d’Alvarenga e Manuel Deniz Silva, eds.,
Revista Portuguesa de Musicologia, Nova Série, Lisboa, Instituto de Etnomusicologia — Centro de Estudos de Música e Dança e Centro de Estudos de Sociologia e Estética da Música, Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Nova de Lisboa, 2014;
— «O repertório de vilancicos da Capela Real portuguesa (1640-1716): vetores sociolinguísticos, implicações musicais e representação simbólica do poder régio» in Maria Alice Volpe, ed., Revista Brasileira de Música, Rio de Janeiro, Universidade Federal do Rio de Janeiro, 2013;
— «Arquivos e Acervos - Música Erudita Profana», «Carneiro, Cláudio (Pinto de Queiroz Teixeira)», «Duarte, Filipe», «Grupo de Música Contemporânea de Lisboa» (co-autoria com Catarina Latino) e «Lambert, Lucien» in Salwa El-Shawan Castelo-Branco, dir., Enciclopédia da Música em Portugal no Século XX, Lisboa, Círculo de Leitores, 2010;
— «A polifonia na liturgia bracarense (primeira metade do século XVI)»,
coautoria com João Pedro d' Alvarenga, in Manuel Pedro Ferreira, coord., A Catedral de Braga, Lisboa, Arte das Musas / CESEM, 2009;
— «Religiosity, power and aspects of social representation in the villancicos of the Portuguese Royal Chapel» in Tess Knighton e Álvaro Torrente, eds.,
Devotional Music in the Iberian World, 1450-1800 - The villancico and related genres, Aldershot, Ashgate, 2007 (Prémio Robert Stevenson - American Musicological Society, 2008);
— «Estêvão de Brito» e «Pedro de Araújo» in Ludwig Finscher, ed.,
Musik in Geschichte und Gegenwart, Kassel, Bärenreiter-Verlag, 1997;
— «Duarte Lobo» e «Musicologia» in Leonel de Oliveira, ed.,
Nova Enciclopédia Larousse, Lisboa, Círculo de Leitores, 1997;
— «Os cantus firmi das Missas de Requiem da Escola de Manuel Mendes: aspectos de estrutura musical e de filiação nas fontes portuguesas de música litúrgica»
Revista Portuguesa de Musicologia, n.o 6, Lisboa, 1996.

Outros estudos

— Inventário preliminar dos Livros de Música do Seminário da Patriarcal, Lisboa, Biblioteca Nacional, Centro de Estudos Musicológicos, 1999.

Textos de divulgação (seleção)

— « Johann Sebastian Bach: Suite n.º 3, em Ré maior, BWV 1068; Wolfgang Amadeus Mozart: Concerto para Piano e Orquestra n.º 26, em Ré maior, K. 537, "Da Coroação"; Ludwig van Beethoven: Sinfonia n.º 2, em Ré maior, op. 36», Alexei Volodin, Orquestra Gulbenkian, Ton Koopman, Lisboa, Fundação Calouste Gulbenkian, 21 e 22 de março de 2019;
— «Alban Berg: Três Peças para Orquestra, op. 6; Gustav Mahler: Rückert-Lieder; Dmitri Chostakovitch: Sinfonia n.º 15, em Lá maior, op. 141», Gustav Mahler Jugendorchester, Elena Zhidkova, Jonathan Nott, Lisboa, Fundação Calouste Gulbenkian, 6 de março de 2019;
— «Paul Hindemith: Sinfonia: Mathis o Pintor (
Mathis der Maler); Ludwig van Beethoven: Concerto para Violino e Orquestra, em Ré maior, op. 61», Orquestra Gulbenkian, Isabelle Faust, Lawrence Foster, Lisboa, Fundação Calouste Gulbenkian, 17 e 18 de janeiro de 2019;
— «Franz Schubert: Sonata para Piano em Fá menor, D. 625,
Moments musicaux, D. 780; Sergei Rachmaninov: Prelúdio em Dó sustenido menor, op. 3 n.º 2, Prelúdio em Sol bemol menor, op. 23 n.º 10, Prelúdio em Sol menor, op. 32 n.º 10, É bom estar aqui, op. 21 n.º 7 (arr. de A. Volodos), Sérénade em Si bemol menor, op. 3 n.º 5, Andante da Sonata para Violoncelo e Piano, op. 19 (arr. de A. Volodos); Alexander Scriabin, Mazurka, op. 25 n.º 3, Poème, op. 71 n.º 2, Flammes sombres, op. 73 n.º 2, Sonata para Piano n.º 5, op. 53», Arcadi Volodos, Lisboa, Fundação Calouste Gulbenkian, 4 de novembro de 2018;
— «Franz Schubert: Sinfonia nº 3, em Ré maior; Gustav Mahler: Sinfonia n.º 4, em Sol maior», Mahler Chamber Orchestra, Golda Schultz, Gustavo Dudamel, Lisboa, Fundação Calouste Gulbenkian, 7 de setembro de 2018;
— «Integral dos Quartetos para Cordas de Ludwig van Beethoven», Cuarteto Casals, Lisboa, Fundação Calouste Gulbenkian, 30 de setembro-1 de outubro de 2017, 21-22 de março de 2018, 24-25 de abril de 2018;
— «As últimas sonatas de Beethoven», Elisabeth Leonskaja, Lisboa, Fundação Calouste Gulbenkian, 16 de janeiro de 2018;
— «Morte e Transfiguração», Coro Gulbenkian, Orquestra Gulbenkian, Susanna Mälkki, Lisboa, Fundação Calouste Gulbenkian, 4 e 5 de maio de 2017;
— «Recital de piano», Vladimir Viardo, Ponta Delgada, Teatro Micaelense, 15 de maio de 2016;
— «
O Século XVIII ao Piano em Portugal e Espanha: De Carlos de Seixas a Antonio Soler», Iván Martín, Festival de Música Sacra do Baixo-Alentejo, Terras sem Sombra, Sines, Igreja Matriz do Santíssimo Salvador, 11 de abril de 2015;
— «Vozes que brotam do céu: entre o românico e o maneirismo», The Hilliard Ensemble, Festival de Música Sacra do Baixo-Alentejo, Terras sem Sombra, Santiago do Cacém, Igreja Matriz de Santiago Maior, 26 de abril de 2014;
— «Franz Schubert: Sinfonia nº 9, D. 944; Gustav Mahler: Canções de um Viandante», Orquestra Gulbenkian, Miah Persson, Paul McCreesh, Lisboa, Fundação Calouste Gulbenkian, 16 e 17 de janeiro de 2014;
— «Johann Sebastian Bach: Abertura da Suite orquestral nº 3, BWV 1068,
Lobet den Herrn alle Heinden, BWV 230,
Cantata
Herr Jesu Christ, wahr' Mensch und Gott, BWV 127, Cantata Wachet auf, ruft uns die Stimme, BWV 140», Coro Gulbenkian, Orquestra Gulbenkian, Lisboa, Fundação Calouste Gulbenkian, 31 de outubro de 2014;
Música Concertante Mozart, Orquestra Gulbenkian, Joana Carneiro, Lisboa, Trem Azul, TA 008CD, 2012;
— «Kammerorchester Basel. Johann Sebastian Bach»,
Ciclo de Música Antiga, Lisboa, Fundação Calouste Gulbenkian, 2 de fevereiro de 2012;
— «Recital a dois cravos»,
Ciclo Concertos no Palco, Lisboa, Caixa Geral de Depósitos, Culturgest, 12 de novembro de 2011;
— «Adolfo Gutiérrez e Luis Fernando Perez»,
Ciclo Concertos no Palco, Lisboa, Caixa Geral de Depósitos, Culturgest, 1 de outubro de 2011;
— Tchaikovsky, Orquestra Gulbenkian, Joana Carneiro, Lisboa, Trem Azul, TA 005CD, 2009;
— «Polifonia Sacra e Secular no Novo Mundo» in
XXI Jornadas Gulbenkian de Música Antiga: A Música Antiga na América Latina, Lisboa, Fundação Calouste Gulbenkian, 2000;
— «Música da Catedral de Oaxaca (México)» in
XXI Jornadas Gulbenkian de Música Antiga: A Música Antiga na América Latina, Lisboa, Fundação Calouste Gulbenkian, 2000;
— «Vilancicos e Cantatas» in
XXI Jornadas Gulbenkian de Música Antiga: A Música Antiga na América Latina, Lisboa, Fundação Calouste Gulbenkian, 2000;
— «Xácaras, Jogos, Mestiços e Negrilhas da América Latina» in
XXI Jornadas Gulbenkian de Música Antiga: A Música Antiga na América Latina, Lisboa, Fundação Calouste Gulbenkian, 2000;
— «Marcos sublimes da produção sacra mozartiana» in
Concertos Portugal-Telecom / Em Órbita, 1998;
— «No Berço do Dramma per Musica » in
XIX Jornadas de Música Antiga: A Música como Teatro, Lisboa, Fundação Calouste Gulbenkian, 1998;
— «Aberturas, Intermezzos e Danças Teatrais do Barroco Francês e Italiano» in
XIX Jornadas de Música Antiga: A Música como Teatro, Lisboa, Fundação Calouste Gulbenkian, 1998;
— «Mozart e as suas derradeiras Sinfonias» in
Concertos Portugal-Telecom / Em Órbita, 1997;
— «Percursos da música para Tecla nos séculos XVII e XVIII» in
Concertos Portugal-Telecom / Em Órbita, 1997;
— «A tradição instrumental do Norte da Europa no tempo de Johann Sebastian Bach» in
XVIII Jornadas de Música Antiga: Do Barroco aos pós-Barrocos, Lisboa, Fundação Calouste Gulbenkian, 1997;
— «De Machault a Escobar: percursos da Missa polifónica» in
XVII Jornadas de Música Antiga: Itinerários da Idade Média, Lisboa, Fundação Calouste Gulbenkian, 1996.


Comunicações
Papers in conferences

— «Cultural and musical implications in the villancicos de negros of the Portuguese Royal Chapel (1641-1668): a perspective from the surviving sources», comunicação apresentada na Eighteenth Biennial International Conference on Baroque Music (Università degli studi di Pavia, Dipartimento di Musicologia e Beni Culturali, 10 a 15 de julho de 2018);
— «O vilancico no reinado de D. João V: entre a persistência do costume e a mudança de paradigmas litúrgico-musicais», comunicação apresentada nas Jornadas Música e Estado I, Música, cultura de corte e poder político em Portugal na época moderna, organizadas pelo grupo de investigação «Música Erudita na Perspetiva dos Estudos Culturais» do Instituto de Etnomusicologia — Centro de Estudos em Música e Dança (Universidade Nova de Lisboa, Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, 12 de outubro de 2012);
— «Getting to grips with the Portuguese Baroque villancico: the on-going project of Catálogo Descriptivo de Pliegos de Villancicos — Fase 5», comunicação apresentada na Fifteenth Biennial International Conference on Baroque Music (University of Southampton, 11 a 15 de julho de 2012);
— «O repertório de vilancicos da Capela Real portuguesa (1640-1716): vetores sociolinguísticos, musicais e de representação do poder régio», comunicação apresentada no I Encontro Nacional de Investigação em Música (Porto, Casa da Música, 25 a 27 de novembro de 2011);
— «Hidden composers in the villancico sources of the Portuguese Royal Chapel (1640-1716)», comunicação apresentada na Thirteenth Biennial International Conference on Baroque Music (University of Leeds, 2 a 6 de julho de 2008);
— «El villancico religioso en la Capilla Real portuguesa (1640-1716): fuentes textuales y aspectos caracterizadores del repertorio», comunicação apresentada no Congresso Internacional «Música y Músicos en Instituciones Eclesiásticas — Andalucía en la Edad Moderna» (Universidade Internacional de Andaluzia, Baeza, 7 a 9 de dezembro de 2006);
— «A tradição ibérica do Requiem polifónico e a Escola de Évora (séculos XVI-XVII)», conferência proferida a convite da comissão do Curso de Licenciatura em Música da Universidade de Évora (Évora, 25 de março de 1998);
— «Aspectos de interacção entre o cantochão e a polifonia nos Requiem polifónicos da Escola de Manuel Mendes», comunicação apresentada nos VIII Encontros Nacionais de Musicologia (Fundação Calouste Gulbenkian, 7 a 9 de abril de 1997).